Ascensão

BRENDA HOFFMAN – A FAVOR OU CONTRA A NATUREZA?

abrigardentrodesi2
Dhy Stellar
Postado por Dhy Stellar

Imagem relacionada

 

Meus queridos,

 

Deixe-nos abordar sua necessidade de se abrigarem dentro de si mesmos. Talvez, tal pensamento pareça contra-intuitivo, dado o número de eventos terrestres que têm experimentado recentemente.

Embora seja verdade, vocês são todos Um, e também, é verdade que uma pessoa precisa aprender a nadar antes de tentar resgatar um outro. Por isso é que seus medos e necessidade de cuidar ou de criar vítimas não são produtivos durante este processo de mudanças da Terra. Sua alegria e Amor próprio são.

Como é possível sentir-se alegre quando outros parecem sofrer? Não estamos falando de dançar na rua, mas sim que aqueles afetados pelas tempestades, incêndios, movimentos militares e outros acontecimentos em todo o mundo agora têm a capacidade de recuperar suas vidas de maneiras mais adequadas para eles – e a natureza.

Seus medos baseiam-se em modelos 3D do que é importante, do que precisa acontecer. Em vez disso, esses eventos da Terra fazem parte do seu novo normal. A terra está tremendo e se chocalhando para remover os destroços de seu Ser, assim como vocês fazem durante sua noite escura da alma.

É claro que esse pensamento produz, ainda mais, medo dentro do seu ser. Vocês entendem completamente a necessidade de terem roupas 3D e abrigos, mas não que esses tremores de terra estejam forçando novas criações que serão usadas por todos.

Esta é uma nova Terra em uma nova era. Então, tudo o que era aceitável ou era um modelo exemplar também está mudando. Talvez, você compreenda melhor se rever as estruturas de habitação naturais que não são mais comuns – a favela das planícies dos Estados Unidos, as cabanas de lama e as tendas móveis de algumas tribos indígenas americanas, ou os telhados de palha e as estruturas de lama e madeira da Inglaterra.

Embora essas estruturas tenham sido consideradas viáveis, a maioria de vocês não viveria nelas hoje. Não porque vocês são muito diferentes daqueles que uma vez chamaram essas estruturas de ‘casa’, mas porque vocês aceitaram casas mais convenientes e resistentes como norma. E é essa norma que está sendo destruída de muitas maneiras em todo o mundo. O que era já não é mais. O que já foi não mais será.

Então, vocês estão sendo encorajados a criar um estilo de vida que inclua as necessidades da Terra e da humanidade – não mais esperando que a Terra siga a liderança da humanidade.

Grande parte da destruição nas últimas semanas é resultado da criação de casas e vidas contra-intuitivas para as necessidades da Terra e proteções naturais. Pradarias, florestas, recifes, lagos, aquíferos, desertos, e assim por diante, foram arrasados para que fossem criados locais humanos ou industriais adequados.

Os desastres naturais acontecem sobre a humanidade humana – não são uma unidade da humanidade e da natureza.

Cidades, residências, distribuição de água e até locais de recreação mais frequentemente estão sendo projetados contra o que é natural em qualquer área específica.

Os sonhos de quem constrói novas casas ou comunidades têm pouca compatibilidade com a natureza. Por isso, muitas dessas estruturas foram ou serão destruídas por forças naturais.

E isto não é um castigo, mas sim um abrir os olhos para a realidade.

Talvez, vocês já tenham experimentado algo semelhante quando estavam passando pela sua noite escura da alma. O que antes era familiar e supostamente amoroso, não pareceu ser assim logo que as suas persianas foram removidas.

Então, o mesmo acontece com a Terra agora. A Terra aceitou as necessidades da humanidade de controlá-la. Desde a chuva até a prevenção de incêndios florestais naturais até a construção de represas de inundação de água e aterros oceânicos. Árvores foram cortadas, ruas pavimentadas, e lares e sítios industriais construídos em lugares que não naturais da Terra ou da humanidade. Então, todos podem perceber o sonho 3D de viver em uma casa, seja em um deserto nos Estados Unidos, ela parecia a mesma que uma casa na parte norte dos EUA.

Em todo o mundo, atividades similares podem ser observadas. A diferença é que os edifícios e atividades em outros países negaram as necessidades da Terra pelas maneiras que são mais valorizadas nesses países.

Isso não quer dizer que vocês devessem voltar para uma Cabana, mas sim aprender a viver com a Terra em vez de tentar controlá-la dos resultados que têm visto: terremotos, incêndios florestais, anomalias climáticas, a extinção de certas plantas e animais, pestilência e doenças.

Sua necessidade de controlar a Terra está produzindo efeitos negativos de maneiras que vocês não poderiam imaginar, mesmo há alguns anos atrás. Uma necessidade que se expandiu para o espaço – com o uso e armas e satélites flutuando sem rumo, assim como é verdade com os detritos humanos encontrados em todos os oceanos e sistemas de água.

O que vocês podem fazer? Voltem à sua alegria. Em vez de temer o futuro, pense em termos de como vocês e outros podem entrar em harmonia com a natureza. Nem a humanidade nem a natureza foram criadas para sofrer. No entanto, a maioria dos humanos não pensou nas necessidades da natureza enquanto tentam garantir o conforto humano de forma financeira, emocional ou espiritual.

Como as novas habitações podem ser economicamente viáveis e ainda assim se misturar com a Terra, em vez de se criar outra casa cinza ou bege que reduza ou elimine a liberdade da natureza para se auto-cuidar?

É assim que a parte alegre das recentes mudanças na Terra encorajam aqueles animados por pensamentos de novos projetos e processos de criação que fluam juntos com a humanidade e a natureza. Ao contrário dos projetos do passado, que apenas serviam à humanidade, e negava os poderes naturais de cura da Terra.

Permitam-se curar ao fazer o mesmo para e com a Terra. Este é um tempo de novas criações – essa é a sua alegria. Não é a destruição das vidas dos outros, mas sim, um chamado à ação para criar melhor e mais harmoniosamente do que nunca.

Que assim seja.

Amém.

 

Autor: Brenda Hoffman

Fonte: http://www.LifeTapestryCreations.com

Tradução: Adriano Pereira / http://blogluzevida.blogspot.com.br/

Revisão de texto: http://www.sementesdasestrelas.com.br / Valéria Albuquerque

Seu comentário é muito importante para o Blog.

Deixe um comentário